A atuação da terapia ocupacional com paralisado cerebral numa visão institucional – ORIONÓPOLIS

Flávia da Silva Franzão, Tathiane Gonçalves de Morais, Luciana Barbosa Rocha

Resumo


O presente trabalho trata-se de uma revisão bibliográfica que se baseia na atuação da Terapia Ocupacional com paralisado cerebral, desenvolvida na Instituição Orionópolis Sul-Mato-Grossense. O objetivo deste trabalho é proporcionar ao profissional que trabalha com as crianças portadoras de paralisa cerebral institucionalizadas conhecimentos que ajudem na melhora da qualidade de vida dessas crianças. Com enfoque na importância da atuação da Terapia Ocupacional no tratamento, identificando os recursos usados na sala e nos atendimentos e apresentando modelos de anamnese, avaliação, plano de tratamento, análise de atividades, conduta e evolução de cadapaciente, buscamos apresentar orientação familiar e/ou profissional. Enfatizamos, também, a necessidade da visita domiciliar realizada pelo terapeuta ocupacional e a eficácia do papel da equipe multidisciplinar junto ao terapeuta ocupacional.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Ana Maria de Oliveira. “Relato da experiência de implantação de um grupo de apoio aos familiares de pacientes esquizofrênicos”: estudo preliminar. In: Multitemas. Campo Grande: UCDB, n. 22, 2001.

ARAÚJO, Mônica e BRUM, Patrícia. O estresse no portador de paralisia cerebral grave, em tratamento multidiciplinar. Monografia. Campo Grande: UCDB, 1999.

ÁVILA, Vicente Fideles de. Sugestão de roteiro comentado para projeto de pesquisa. Campo Grande: Mineo, 1996.

BOBATH, Karel. Uma base neurofi siológica para o tratamento de paralisia cerebral. 2.ed. São Paulo: Monde, 1990.

CASTILHO, Katiuscia Serrou e MIRANDA, Vanessa Zancapede. Caracterização da conduta do pediatra no atendimento de criança paralisada cerebral. Campo Grande: UCDB, (monografia), 2000.

FERRARETTO, Ivan e SOUZA, Ângela Maria. Paralisia cerebral: aspectos práticos. São Paulo: Mennon,1998.

LAKATOS, Eva Maria e MARCONI, Marina de Andrade. Metodologia do trabalho científi co. 4.ed. São Paulo: Atlas S.A, 1995.

LEITÃO, Araújo. Paralisia Cerebral. Rio de Janeiro: Artenova Ltda, 1971.

MASIERO, Danilo e PINTO, José Antonio. Paralisia cerebral e mielomeningocele. São Paulo: Escola Paulista de Medicina, n. 9, s/d.

MORRISON e MACCRIE e MIRREY e Mc. DONALD. Terapia ocupacional em reabilitação. 4.ed. São Paulo: Santos,1990.

SOARES, Lea Beatriz Teixeira. Terapia ocupacional - lógica do capital ou do trabalho? São Paulo: Hucitec, 1991.

SPACKMAN/ WILLARD. Terapia ocupacional. 8.ed. São Paulo: Médica Panamericana, 1998.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

ISSN online: 2447-9276
ISSN impresso: 1414-512X (até o número especial, set. 2015)