Tradução: a mente, a medicina e o homem, por Gregory Zilboorg

Lorene Almeida Tiburtino-Silva, João Alberto Mendonça Silva, Josemar de Campos Maciel

Resumo


O psicanalista e historiador da psiquiatria, Dr Gregory Zilboorg, nascido russo e naturalizado americano, trabalhou por anos, aspectos da psiquiatria dentro de um contexto sociológico e humanístico. Durante sua carreira escreveu diversas obras de brilhante ilustração de conceitos para leigos. Seus livros são raros, mesmo em buscas virtuais, sendo poucas e privilegiadas bibliotecas possuem exemplares. Além deles, Zilboorg também produziu uma série de artigos clínicos, que discutem desde a personalidade esquizoide até as relações entre o direito e a psiquiatria. Aqui traduzimos parte de um capítulo de seu livro Mind, Medicine & Man. Nesse trecho, Zilboorg ilustra a ideia de psiquismo humano a partir de uma brilhante descrição da ameba que, como ser vivo unicelular e que percebe o mundo a partir de sua única célula, desenvolve um estilo próprio de comunicação com o ambiente. Zilboorg defende que o fenômeno psíquico envolve toda a corporeidade humana, analogamente ao ser vivo multicelular, para que o conjunto de informações se traduza nos diversos sistemas psíquicos.


Palavras-chave


Psicologia; biomimetismo; corporeidade

Texto completo:

PDF

Referências


BENYUS, Janine. Biomimicry: innovation inspired by nature (repr). New York: Harper Perennial, 2008.

CAPRA, Fritjof. (2005). O tao da física um paralelo entre a física moderna e o misticismo oriental. São Paulo: Cultrix, 2005.

CAPRA, Fritjof. O Ponto de Mutação. A Ciência, a Sociedade e a Cultura emergente. São Paulo: Editora Pensamento-Cultrix LTDA, 2006.

CAPRA, Fritjof. (2010). A teia da vida: uma nova compreensão científica dos sistemas vivos. São Paulo: Cultrix, 2010.

ZILBOORG, Gregory. Mind, medicine, and man. Oxford: Harcourt Brace, 1943.




DOI: http://dx.doi.org/10.20435/multi.v24i58.2676

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

ISSN online: 2447-9276
ISSN impresso: 1414-512X (até o número especial, set. 2015)