RELAÇÃO DAS VARIÁVEIS CLIMÁTICAS COM OS CASOS DE DENGUE EM UM MUNICÍPIO DO INTERIOR DE MATO GROSSO DOS ANOS 2001 A 2015

Débora Aparecida da Silva Santos, Juliana Zenaro Rodrigues, Ricardo Alves de Olinda, Letícia Silveira Goulart

Resumo


Este estudo analisou a relação das variáveis climáticas com casos de dengue em Rondonópolis (MT) entre 2001 a 2015. Tipo ecológico, de série temporal e analítico, abordagem quantitativa e descritiva. Dados de fonte secundária, utilizando as variáveis casos de dengue notificados e temperatura, umidade do ar e precipitação. Foram ajustados modelos de Poisson e binomial negativo, adotando-se nível de significância de 5% (p<0,05). Foi utilizado os teste t e qui-quadrado e análise de resíduos. Estimou que o número de casos de dengue diminua em aproximadamente 43% a cada 1 grau centígrado de aumento da temperatura média; aumente em torno de 77% a cada unidade de aumento na temperatura máxima e aumente em torno de 17% a cada 1% de aumento da umidade. Esta associação revela elevado índice de notificação de dengue nos meses quentes e úmidos, sugerindo desenvolvimento de ações interdisciplinares e intersetoriais prioritariamente para esta época do ano.


Palavras-chave


Dengue. Clima. Atenção Primária à Saúde. Pesquisa Interdisciplinar.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVARES, C. A.; STAPE, J. L.; SENTELHAS, P. C.; GONÇALVES, L. M.; SPAROVEK, G. Köppen’s climate classification map for Brazil. Meteorologische Zeitschrift Fast Track, v.1, p.1-18, 2013.

ANTONIO, G.; PEDER, L. D.; SILVA, C. M. Influência das alterações climáticas nos casos de dengue nos anos de 2007 a 2011 no município de Cascavel – PR. SaBios – Revista de Saúde e Biologia, v. 10, n. 1, p. 06-14, jan./abr. 2015.

BARACHO, R.C.M.; ISMAEL FILHO, A.; GONÇALVES, A.; NUNES, S.T.S.; BORGES, P.F. A influência climática na proliferação da dengue na cidade de Areia, Paraíba. Revista Gaia Scientia, v.8, n.1, p.65-73, 2014.

BESSA JÚNIOR, N. F.; NUNES, F. F. R.; SOUZA, A. M.; MEDEIROS, C. A.; MARINHO, M. J. M.; PEREIRA, O. W. Distribuição espacial da dengue no município de Mossoró, Rio Grande do Norte, utilizando o Sistema de Informação Geográfica. Rev. Bras. Epidemiol., v.16, n.3, p.603-10, 2013.

BÖHM, W. A.; COSTA, S. C.; NEVES, R. T.; NUNES, P. B. Tendência da Incidência de dengue no Brasil, 2002-2012. Epidemiol. Serv. Saúde, Brasília, v.25, n.4, p.725-733, out-dez 2016.

BRASIL. Portaria nº 466/2012 de outubro de 2012. Dispõe sobre diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisa com seres humanos. Brasília (DF), Conselho Nacional de Saúde, Publicada no Diário Oficial da União de 13 de junho de 2013, Seção 1, p.59.

CÂMARA, F. P.; GOMES, A. F.; SANTOS, G. T.; CÂMARA, D. C. Clima e epidemias de dengue no Estado do Rio de Janeiro. Rev Soc Bras Med Trop., v.42, n.2, p.137-40, 2009.

COSTA, F. S.; SILVA, J. J.; SOUZA, C. M.; MENDES, J. Dinâmica populacional de Aedes aegypti (L) em área urbana de alta incidência de dengue. Rev Soc Bras Med Trop, v.41, n.3, p.309-12, 2008.

COSTA, I. M. P.; CALADO, D. C. Incidence of dengue cases (2007-2013) and seasonal distribution of mosquitoes (Diptera: Culicidae) (2012- 2013) in Barreiras, Bahia, Brazil. Epidemiol. Serv. Saude, v.25, n.4, p.1-9, oct-dec, 2016.

FERNANDES, R. S.; NEVES, S. M. A. S.; SOUZA, C. K. J.; GALVANIN, E. A. S.; NEVES, R. J. Clima e casos de dengue em Tangará da Serra/MT. Hygeia, v. 8, n. 15, p. 78-88, dez. 2012.

GOMES, A. F.; NOBRE, A. A.; CRUZ, O. G. Temporal analysis of the relationship between dengue and meteorological variables in the city of Rio de Janeiro, Brazil, 2001-2009. Cad. Saúde Pública, v.28, n.11, p.2189-2197, nov, 2012.

HALES, S.; WET, N.; MAINDONALD, J.; WOODWARD, A. Potential effect of population and climate changes on global distribution of dengue fever: an empirical model. Lancet, v.36, n.9336, p.830-4, 2002.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 2017. Disponível em < http://cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?codmun=510760> Acesso em 23 jan. 2017.

INMET. Instituto Nacional de Meteorologia. 2015. Disponível: Acesso em: 23 jan. 2017.

LIMA, E.A.; FIRMINO, J.L.N.; GOMES FILHO, M.F. A relação da previsão da precipitação pluviométrica e casos de dengue nos estados de Alagoas e Paraíba nordeste do Brasil. Revista Brasileira de Meteorologia, v.23, n.3, p.264-269, 2008.

LIMA, R. C.; MOREIRA, E. B M.; NÓBREGA, R. S. A influência climática sobre a epidemia dengue na cidade do Recife por Sistema de Informações Geográficas. Revista Brasileira de Geografia Física, v.9, n.2, p.384-398, 2016.

MACIEL-DE-FREITAS, R.; PERES, R. C.; SOUZA-SANTOS, R.; LOURENÇO-DE-OLIVEIRA, R. Occurrence, productivity and spatial distribution of key-premises in two dengueendemic areas of Rio de Janeiro and their role in adult Aedes aegypti spatial infestation pattern. Trop Med Int Health, v.13, n.12, p.1488-94, 2008.

MIYAZAKI, R. D.; RIBEIRO, A. L.; PIGNATTI, M. G.; CAMPELO JÚNIOR, J. H.; PIGNATI, M. Monitoring of Aedes aegypti mosquitoes (Linnaeus, 1762) (Diptera: Culicidae) by means of ovitraps at the Universidade Federal de Mato Grosso Campus, Cuiabá, State of Mato Grosso. Rev Soc Bras Med Trop, v.42, n.4, p.392-97, 2009.

MONTEIRO, E. S. C.; COELHO, M. E.; CUNHA, I. S.; CAVALCANTE, M. A. S.; CARVALHO, F. A. A. Aspectos epidemiológicos e vetoriais da dengue na cidade de Teresina, Piauí – Brasil, 2002 a 2006. Epidemiol Serv Saúde, v.18, n.4, p.365-74, 2009.

OPAS. ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DA SAÚDE. Mudança Climática e Saúde: um perfil do Brasil. Organização Pan-Americana da Saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2009.

PACHECO, S. C. I.; CARVALHO, A. M. A.; PONTES, C. J. R. E.; SILVA, G. M. Relação entre condições climáticas e incidência de dengue no município de Campo Grande, MS. Multitemas, Campo Grande, MS, v. 22, n. 51, p. 235-252, jan./jun. 2017.

PICINATO, M. A. C.; GRISOLIO, A. P. R.; CASELANI, K.; NUNES, J. O. R.; CARVALHO, A. A. B. Dengue: uma visão sobre o vetor urbano Aedes aegypti e a difícil interface do seu controle. Veterinária em Foco, v.13, n.1, jul./dez. 2015.

R: A language and environment for statistical computing. R Foundation for Statistical Computing, Vienna, Austria. URL. Disponível: http://www.R-project.org/

RIBEIRO, A. F.; MARQUES, G. R. A. M.; VOLTOLINI, J. C.; CONDINO, M. L. F. Associação entre incidência de dengue e variáveis climáticas. Rev Saúde Pública, v.40, n.4, p.671-6, 2006.

ROSA-FREITAS, M. G.; TSOURIS, P.; SIBAJEV, A.; WEIMANN, E. T. S.; MARQUES, A. U.; FERREIRA, R. L. Exploratory Temporal and Spatial Distribution Analysisof Dengue Notifications in Boa Vista, Roraima, Brazilian Amazon, 1999-2001. Dengue Bulletin, v.27, p.63-79, 2003.

SILVA, A. M.; SILVA, R. M.; ALMEIDA, C. A. P.; CHAVES, J. J. S. Modelagem geoestatística dos casos de dengue e da variação termopluviométrica em João Pessoa, Brasil. Sociedade & Natureza, v. 27, n. 1, p.157-169, jan./abr. 2015.

SOUSA, N. M. N.; DANTAS, R. T.; LIMEIRA, R. C. Influência de variáveis meteorológicas sobre a incidência do dengue, meningite e pneumonia em João Pessoa-PB. Revista Brasileira de Meteorologia, v.22, n.2, p.183-192, 2007.

SOUZA, S. S.; SILVA, I. G.; SILVA, H. H. G. Associação entre incidência de dengue, pluviosidade e densidade larvária de Aedes aegypti, no Estado de Goiás. Rev Soc Bras Med Trop., v.43, n.2, p.152-5, 2010.

TEIXEIRA, M. G.; SIQUEIRA JÚNIOR, J. B.; FERREIRA, G. L. C.; BRICKS, L.; JOINT, G. Epidemiological trends of dengue disease in Brazil (2000-2010): a systematic literature search and analysis. PLoS Negl Trop Dis., v.7, n.12, e2520, 2013.

XAVIER, D. R.; MAGALHÃES, M. A. F. M.; GRACIE, R.; REIS, I. C.; MATOS, V. P.; BARCELLOS, C. Spatial-temporal diffusion of dengue in the municipality of Rio de Janeiro,

Brazil, 2000-2013. Cad. Saúde Pública, v.33, n.2, e00186615, 2017.




DOI: http://dx.doi.org/10.20435/multi.v23i55.1742

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

ISSN online: 2447-9276
ISSN impresso: 1414-512X (até o número especial, set. 2015)