Análise do campo ambiental como um problema para racionalidade moderna

Victor Hugo de Oliveira Marques, Josemar de Campos Maciel

Resumo


O presente texto se insere nos pressupostos teóricos dos Estudos do Desenvolvimento. Porém, no momento, quer-se abrir um primeiro recorte: como o conceito de ‘ambiental’ discutido por Enrique Leff obriga necessariamente a uma discussão crítica sobre a racionalidade moderna que sustenta o discurso epistemológico para o desenvolvimento, e, mais especificadamente, ao pensamento de Heidegger. Para tanto será percorrido o seguinte caminho: [1] a discussão da revisão epistemológica do próprio desenvolvimento pela abertura da temática do ambiental; e [2] que conceitos heideggerianos podem, de início, ser tomados para a questão epistemológica de fundo ao desenvolvimento, qual seja, o conceito de ciência.


Palavras-chave


campo ambiental; Enrique Leff; Heidegger.

Texto completo:

PDF

Referências


BLANCHÉ, R. A epistemologia. Lisboa: Presença, 1975.

BUNGE, M. Epistemología. Curso de actualización. 3. ed. México; Buenos Aires: Século XXI, 2002.

DUTRA, L. H. de A. Introdução à epistemologia. São Paulo: UNESP, 2010.

CONFERÊNCIA DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE O MEIO AMBIENTE HUMANO. Declaração de Estocolmo. 1972. Disponível em: <https://www.apambiente.pt/_zdata/Politicas/DesenvolvimentoSustentavel/1972_Declaracao_Estocolmo.pdf>. Acesso em: 2 abr. 2017.

FOLTZ, B. V. Habitar a terra. Heidegger, ética ambiental e a metafísica da natureza. Lisboa: Piaget, [s.d.].

HEIDEGGER, Martin. Ciência e pensamento de sentido. In: ______. Ensaios e conferências. 3. ed. Petrópolis, RJ: Vozes; Bragança Paulista, SP: São Francisco, 2006.

LEFF, E. A aposta pela vida. Imaginação sociológica e imaginários sociais nos territórios ambientais do sul. Petrópolis, RJ: Vozes, 2016.

______. Complexidade, interdisciplinaridade e saber ambiental. In: PHILIPPI JR., Arlindo (Org.). Interdisciplinaridade em ciências ambientais. São Paulo: Signus, 2000.

PALMER, Joy A.; COOPER, David E.; CORCORAN, Peter Blaze (Ed.). Fifty key thinkers on the environment. London: Routledge, 2001.

SACHS, W. (Ed). The development dictionary: a guide to knowledge as power. 2. ed. New York: Zed Book, 2010. 




DOI: http://dx.doi.org/10.20435/multi.v23i54.1674

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

ISSN online: 2447-9276
ISSN impresso: 1414-512X (até o número especial, set. 2015)